BLOG

Luis Gustavo Morato Leite

Retração gengival: tratando a dor e sensibilidade em raízes expostas.

dor e sensibilidade retração gengival post blog

A retração gengival é causa frequente para a dor e sensibilidade nos dentes. Conheça os tratamentos mais eficientes para minimizar ou eliminar dentes sensíveis por raiz dentária exposta pós recessão gengival.

 

 por Luís Gustavo Morato Leite, dentista graduado e especializado em prótese dentária pela UFRGS, em Porto Alegre.

 

 

Retração gengival, um problema que requer, sim, atenção.

 

Ao longo da vida, poucos são os indivíduos não acometidos pela retração das gengivas. Caracterizada pela exposição prematura das raízes dentárias, esta condição recessiva pode trazer consequências que vão muito além dos danos estéticos à harmonia do sorriso. Casos mais graves deste problema – na verdade, uma sequeça da perda do osso que sustenta as raízes dentárias -, podem até mesmo levar à perda dentária. Um problema e tanto para uma condição que pode ser facilmente prevenida.

 

dor e sensibilidade dos dentes nem sempre acompanha a retração gengival. É o caso, por exemplo, da gengiva retraída por periodontite, uma doença infecciosa causada pelo acúmulo de placa bacteriana que destrói todas as estruturas de suporte das raízes dentárias. Conheça um pouco mais sobre esta condição tecidual recessiva que pode ter várias causas, isoladas ou atuando de forma concomitantes:

 

periodontite (perda óssea por infecção das gengivas);

 

trauma das gengivas por pressão excessiva das cerdas de escovas dentárias;

 

tratamento ortodôntico;

 

biotipo gengival fino e delicado;

 

mal posicionamento dentário.

 

 

retração gengival dor e sensibilidade
Retração gengival: caninos são dentes frequentemente acometidos pela recessão das gengivas.

 

 

A dor e sensibilidade dentária.

 

A sensibilidade dos dentes provocada ao ingerir alimentos frios, cítricos e doces é uma situação comum. Na maioria das vezes, a causa é a exposição das raízes dentárias, uma estrutura sensível e delicada que pode responder de forma bastante dolorosa quando as camadas mais superficiais de seu revestimento – o cemento – são removidas.

 

Nos casos mais severos de sensibilidade dentária por retração gengival, falar já pode ser o suficiente para provocar dores fortes e que podem durar por alguns minutos. Nestas situações, quase sempre as raízes dentárias expostas apresentam-se desgastadas pela atrição provocada pelas cerdas das escovas dentárias durante a higienização. Em casos ainda mais severos, as cavidades podem atingir a polpa dentária, exigindo tratamento endodôntico.

 

Por outro lado, fatores individuais como baixo limiar de tolerância à dor e variações na anatomia dos dentes podem ser responsáveis pela sensibilidade dolorosa mais intensa mesmo nos estágios iniciais da recessão gengival. Nestes casos, a busca imediata por tratamentos odontológicos é essencial para evitar procedimentos dentários mais invasivos como o tratamento de canal.

 

recessão gengival desgaste da raiz dentária
Dor e sensibilidade: raízes dentárias desgastadas e desprotegidas após a retração das gengivas.

 

 

Tratamento da dor e sensibilidade causados por retração gengival.

 

O tratamento da dor e sensibilidade em dentes com retração gengival depende de vários fatores que são avaliados durante a consulta clínica com o dentista. Extensão da recessão, presença de cavidades profundas por atrito de escovas dentárias e até mesmo condições estéticas influenciam na escolha do procedimento ideal. E para bloquear as dores, veja uma lista com as principais medidas terapêuticas:

 

dessensibilização química

A aplicação de agentes dessensibilizantes sobre raízes dentárias expostas é uma técnica simples e de baixo custo para reduzir ou eliminar a sensibilidade excessiva dos dentes. O fluor concentrado é o produto mais utilizado e pode exigir mais de uma sessão para produzir resultados consistentes. Atualmente, além de pastas dentárias com agentes dessensibilizantes vendidas em supermercados e farmácias, vernizes e substâncias específicas – substâncias mais efetivas – estão disponíveis para eliminar condições doloroas mais intensas que não cessam com a aplicação do flúor ou pastas dessensibilizantes.

 

cirurgia plástica gengival

O recobrimento cirúrgico de raízes dentárias expostas é indicado como forma de recuperar a estética e prevenir, de forma efetiva, a formação de cavidades nas raízes dentárias por abrasão. Existem várias técnicas de cirurgia plástica gengival para recuperar a recessão gengival, que podem ainda utilizar enxertos de gengiva coletados do próprio paciente ou produzidos a partir de tecidos animais (enxertos exógenos).

 

restauração dentária em resina

A restauração dentária em resina é um tratamento bastante utilizado para proteger raízes dentárias expostas da ação de alimentos e ação abrasiva das cerdas de escovas dentarias. Eficiente para bloquear a dor e sensibilidade intensa, requer cuidados especiais para evitar que o procedimento não seja um fator adicional para retenção de placa bacteriana. Uma vantagem do tratamento restaurador é o alívio estético que, apesar de inferior à plástica gengival para recobrimento, pode contribuir na recuperação da harmonia do sorriso.

 

retração gengival restauração dentária em resina
Restauração em resina de raiz dentária exposta após recessão.

 

 

Prevenindo a recessão gengival.

A retração gengival não é causa apenas para a dor e sensibilidade aumentada a alimentos frios, cítricos e doces. Cáries dentárias, danos estéticos, dificuldade para a remoção de placa bacteriana e até mesmo perdas dentárias podem estar associadas à recessão dos tecidos gengivais. 

 

A prevenção da recessão gengival requer cuidados simples e visitas frequentes ao dentista. Veja algumas medidas fáceis de adicionar aos seus hábitos diários para eliminar ou prevenir a exposição prematura de raízes dentárias:

 

visitas frequentes ao dentista;

 

manter um hábito diário de higienização dos dentes;

 

✓ utilizar escovas dentárias com cerdas macias;

 

evitar pressão excessiva das cerdas contra as gengivas;

 

utilizar técnicas de escovação com movimentos adequados;

 

cuidado ao passar o fio-dental para evitar traumas gengivais;

 

 Ainda em dúvida? Consulte nosso FAQ (perguntas frequentes)

Saiba mais sobre retração gengival:

Voltar para o blog